DIA INTERNACIONAL DOS MUSEUS 

15 A 18 DE MAIO
FUNDAÇÃO CUPERTINO DE MIRANDA



A programação da Fundação Cupertino de Miranda (FCM) para o Dia Internacional dos Museus de 2021 tem como tema - “A Arte e a Mente”.
Entre os dias 15 e 18 de maio, a FCM oferece uma programação diversa com atividades online e presenciais - conversas com convidados, workshops e visitas presenciais ao novo “Espaço Mário Cesariny”.
Ao longo dos dias serão abordados temas relacionados com a "Arte" e a "Mente" como os sonhos, a memória, as emoções e a criatividade.

  • Programação DIM - Fundação Cupertino de Miranda
    Download
  • 15 MAIO, SÁB

    SONHOS

    14h30-15h30
    Conversa “À volta do sonho” com psicóloga Sandra Gonçalves
    Para que o ser humano se possa transformar a si mesmo e ao mundo, necessita de aceder e interagir com a matéria plástica dos mundos subjetivos através do símbolo e da imaginação. Sandra Gonçalves, psicóloga e investigadora, irá relacionar a psicologia com o surrealismo, movimento artístico e literário que explorou o inconsciente e os sonhos.
    Destinatários: Público em geral. Plataforma zoom. Inscrição gratuita com marcação obrigatória até 14 de maio: [email protected] Lotação: 100 pessoas.

    17h00-19h00
    Workshop “O símbolo vivo: introdução à exploração vivencial dos símbolos no sonho e na arte” com psicóloga Sandra Gonçalves
    Exploraremos maneiras de aceder aos significados, individuais e partilhados, dos símbolos através da construção de árvores de associações. Aprenderemos a abordar o sonho a partir do seu interior e a utilizar o seu registo para potenciar o seu entendimento. Terminaremos com uma viagem onírica construída e vivida em conjunto.
    Destinatários: Público em geral a partir dos 16 anos. Plataforma zoom. Inscrição gratuita com marcação obrigatória até 14 de maio: [email protected] Lotação: 20 pessoas. Material necessário: caneta e papel.

  • 16 MAIO, DOM

    MEMÓRIA


    17h00-18h00
    Conversa “Museu & memória” com socióloga Rafaela Ganga
    O museu é uma casa repleta de objetos que contam histórias. Sabemos hoje que os objetos estimulam a memória e têm um papel central na promoção da saúde mental. Tendo esta premissa em mente, como podemos esbater as barreiras entre o pessoal e institucionalizado e potenciar o valor cultural e instrumental do nosso património individual?
    Destinatários: Público em geral. Plataforma zoom. Inscrição gratuita com marcação obrigatória até 14 de maio: [email protected] Lotação: 100 pessoas.

  • 17 MAIO, SEG

    EMOÇÕES


    17H00-18H30
    Conversa “A importância da arte na saúde mental” com Cátia Guimarães e Rita Nunes da Ponte, Arte-Psicoterapeutas e formadoras da SPAT
    A Sociedade Portuguesa de Arte-Terapia defende que a arte é essencial não só para o desenvolvimento criativo do ser humano, mas também para a sua saúde mental. No contexto atual de pandemia tornou-se fundamental gerir as emoções e a arte pode ser uma via terapêutica para as abordar. Os meios artísticos favorecem uma linguagem simbólica, em que a criação ao serviço da imaginação auxilia a origem de novos significados à vivência pessoal. Destinatários: Público em geral. Plataforma zoom. Inscrição gratuita com marcação obrigatória até 14 de maio: [email protected] Lotação: 100 pessoas.

  • 18 MAIO, TERÇA

    CRIATIVIDADE


    10H00
    Abertura da exposição permanente “Espaço Mário Cesariny” com diretora artística
    Mário Cesariny foi poeta, pintor, tradutor e é considerado um dos grandes mestres do surrealismo plástico e literário português. Fruto de uma relação de proximidade, a Fundação tornou-se detentora do recheio da casa do artista. Esta exposição sugere uma aproximação ao local vital de Cesariny, numa tentativa de nos trazer à memória o espaço-vida-obra do artista.
    Destinatários: Público em geral. Piso 2 da FCM.


    Estreia online do vídeo “Da casa de Cesariny às nossas casas”
    “Da casa de Cesariny às nossas casas” surge para promover o “Espaço Mário Cesariny”. Exibe testemunhos sobre o significado de casa e possíveis alterações que possam ter surgido no decorrer da pandemia COVID-19. Para Mário Cesariny, a casa era o seu espaço de refúgio, vivência e de trabalho, como passou a ser para muitas pessoas atualmente.
    Destinatários: Público em geral. Redes Sociais da FCM.


    10h00 – 11h00 – 14h30 – 16h00
    Visita orientada à exposição permanente “Espaço Mário Cesariny”
    Destinatários: Público em geral. Piso 2 da FCM. Inscrição gratuita com marcação obrigatória até 14 de maio: [email protected] Duração 20 min. Lotação: 5 pessoas.

    17H00-18H00
    Conversa “A criatividade e o cérebro” com a neurocientista Patrícia Correia
    O cérebro tem a capacidade incrível de se adaptar e criar soluções para ultrapassar adversidades quotidianas. Patrícia Correia, doutorada em neurociências e professora assistente de neurociências do comportamento, pretende explorar o que acontece no cérebro quando somos criativos e contrariar a ideia de que a criatividade é só reservada a alguns.
    Destinatários: Público em geral. Plataforma zoom. Inscrição gratuita com marcação obrigatória até 14 de maio: [email protected] Lotação: 100 pessoas.